21 de jun de 2018

Resenha: Autômato


Título: Autômato
Autores: Marco Barbieri e Will Nascimento
Número de Páginas: 340
Nota (0 a 5): 5

Quando fui convidada para a leitura desse livro, confesso que eu não esperava muita coisa. Apesar de gostar de ficção científica, foram poucos livros que li nesse gênero, logo pouca era a minha base. Entretanto, a cada virar de página, a cada capítulo, eu me surpreendia. Os autores conseguiram com maestria me encantar com essa narrativa.

A história é narrada em primeira pessoa, porém sobre vários pontos de vista. Logo de início conhecemos Simas e a sua família que se resume ao seu irmão Farid, sua irmã Lena e seu pai, Góris. Eles vivem na província onde todos os dias precisam garantir seu sustento e ainda promover recursos para o Núcleo, onde os provincianos sonham em morar, afinal a promessa é de uma vida melhor e com mais oportunidades. Entretanto, somente os mais belos estão aptos para serem resgatados e os que foram nunca mais voltaram.

Apesar da grande maioria da população ansiar para ser escolhido, o que ocorre a cada final de ciclo, Simas prefere manter-se na província, onde para ele é o lugar mais seguro. É o conhecido. Infelizmente, algo dar muito errado na ultima vez, e Simas acaba sendo escolhido no lugar de outra pessoa. Apesar dos esforços para se manter na província, ele é levado para o Núcleo.

A partir daí, muitas questões irão ser explicadas, como o funcionamento do Núcleo que não agrada em nada Simas. Com atitudes impensadas sua situação no núcleo cada vez piora o levando, como mercadoria, para o mais novo entretenimento dos habitantes: um simulador de realidade virtual em que ele (e outros da colheita) perdem seu livre-arbítrio, pois agora, são meros personagens.  

Enquanto isso, na província, nem todos ficaram satisfeitos com o destino de Simas, gerando um mar de intrigas e jogos de manipulação.

Bem… acho que já falei muito do livro. Acredito que não tenha dado nenhum spolier. Por fim, a leitura é fantástica e fluida. A cada capítulo formamos teorias que na maioria das vezes se desmancha quando são reveladas. Eu adoro isso! É interessante também como notamos a evolução (ou não) dos personagens e o seu verdadeiro caráter. Apesar de ser um livro de ficção é possível retirar algumas mensagens com a leitura: nem sempre beleza é tudo, amizade e família.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CantinhodaAmiga

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...