26 de abr de 2018

Resenha: A Guardiã de Histórias

Título: A Guardiã de Histórias
Autora: Victoria Schwab
Número de Páginas: 315
Nota (0 a 5): 4,5

Agora, vamos para resenha!

Quando vi esse livro na prateleira de uma livraria, fiquei curiosa quanto ao título, o que foi o primeiro a me chamar atenção. Depois disso, li a sinopse e fiquei ainda mais curiosa. Eu precisava comprar este livro. Eu queria muito, mas estava sem dinheiro… Porém, para a minha felicidade, estava perto do meu aniversário e minha mãe me presenteou com esta história.

Eu não conheci a autora e por incrível que pareça, ganhei este livro no mesmo ano que lançou, mas seis meses depois. Cheguei em casa com uma ânsia para lê-lo.

“A Guardiã de Histórias” conta a história de Mackenzie, mas conhecida como Mac. Uma menina de dezesseis anos que possui um emprego fora dos padrões normais, um emprego herdado de seu avô. Ela é uma guardiã, uma guardiã de histórias, também conhecidos como almas. 

Aline, como assim? Explica isso direito! 

Como toda biblioteca, histórias são guardadas nas prateleiras, porém, nesta narrativa, as histórias são as próprias almas, espectros que um dia fizeram seus registros com experiências e lembranças de tudo aquilo que viveu até data do seu falecimento, onde foi finalmente arquivado. 

“Imagine um arquivo da sua vida inteira, de cada momento, cada experiência. Tudo. Agora, em vez de uma pasta ou livro, imagine que esses dados são guardados num corpo”.

A função de Mac? Manter as histórias dentro de Arquivo.

O problema está quando essas histórias escapam do arquivo, local onde deveriam estar dormindo. Por que acordam? Por alguma inquietação… E geralmente as que mais fogem, são as mais violentas. O trabalho de Mac é arquivar novamente e impedir de que elas escapam para o mundo exterior, onde os vivos vivem. Entretanto, desde sua mudança, fugas frequentes têm ocorrido e cada vez mais histórias têm causado problemas, além de algumas perderem parte de suas lembranças, algo que nunca aconteceu antes. Alguma coisa está errada e Mac sente isso, porém não sabe o quê.

O enredo é fascinante e a autora conseguiu mesclar a fantasia com a realidade de uma adolescente. Tem mistério, romance e aventuras, tudo para um leitor se encantar. Porém, o que mais me prendeu na narrativa nem foi o fato do que consta na sinopse, mas sim os personagens (que são cativantes) e o mistério que ronda quando Mac “leu” o que se passou em seu novo quarto. Sim, ela consegue ler as histórias e o ambiente também… 

“A Guardiã de Histórias” sem dúvida é um livro com um enredo mega criativo, ousado, intrigante, melancólico e com uma pitada de suspense ou terror. A narrativa entretém e é leve, voltada para o público jovem. 

Há pouco tempo descobri que se trata de uma trilogia, porém o livro não deixa assuntos inacabados, ou seja, se você quiser ler apenas o primeiro, está tudo bem… Entretanto, gostaria de ler os outros também, o que infelizmente ainda não foi lançado no Brasil. Como mencionei, fiquei encantada pelos personagens e gostaria de revê-los novamente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CantinhodaAmiga

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...